27/05/2011

Nosso destino de amanhã é Serra Caiada-RN. Conheça um pouco da história do lugar: http://www.ferias.tur.br/informacoes/7283/serra-caiada-rn.html

"O povoamento na região começou com a concessão de terras ao padre José Vieira Afonso, em Dezembro de 1754. Inicialmente chamada de Caiada de Cima, diferenciando-se da sua vizinha Caiada de Baixo e por sua  posição geográfica em relação ao rio Jundiaí e à serra, o povoado foi crescendo com a criação de várias fazendas de gado e de muitas lavouras.
Em 1938, o povoado passou à condição de distrito e no dia 24 de Novembro de 1953, pela Lei número 908, desmembrou-se de Macaíba, São José de Campestre e São José de Mipibú  tornando-se  município com o nome de  Serra Caiada.
Em 1963, o  novo município passou a chamar-se  Presidente Juscelino, homenageando o ex-Presidente da República Juscelino Kubitschek de Oliveira, voltando posteriormente ao seu antigo nome, Serra Caiada.
(...)
Pedaço mais antigo da América Latina
A rocha imponente, por trás das miúdas casas, não é apenas um desenho de alta precisão. Tem atributos de fazer inveja — em termos geológicos — ao chamado Velho Mundo. Com suas manchas que lembram uma pintura de cal, a famosa Serra Caiada, a 72 km de Natal, é o pedaço mais antigo da América Latina e está entre os fragmentos rochosos mais velhos do mundo."

Amanhã vamos pedalar no entorno de Serra Caiada-RN, uma cidade pequena que sempre esteve no nosso caminho, mas que nunca paramos para conhecer melhor.
Às 06h00min da manhã saíremos do Posto Emaús (BR 101 no sentido Natal-Parnamirim). Iremos de carro até a Fazenda Novilhos, no nosso amigo Zé Augusto, localizada nas proximidades da entrada do Município de Elói de Souza-RN. De lá seguiremos de bicicleta pela BR 226 até a sede do Município de Serra Caiada-RN e provavelmente procuraremos um lugar agradável para o café da manhã. Iniciaremos então a trilha propriamente dita, seguindo pelo Assentamento Três Corações, contornando a grande pedra e então chegaremos em Elói de Souza e faremos uma parada para hidratação em alguma bodega. Voltaremos então pelo asfalto até o local de estacionamento dos carros.
Na volta faremos uma parada estratégica no famoso restaurante "Galinha da Elza" e vamos verificar se o tempero continua gostoso.
Se você não tem programação para o sábado, venha pedalar conosco.


 
Postar um comentário